(11) 2606-1012

Esmaltes 4FREE

Toda a linha de produtos Hits Speciallità é composta por produtos 4FREE. Sem exceção.

Mas o que de fato isso significa para você?

A nomenclatura sinaliza a ausência de DBP, tolueno, formaldeído e cânfora, ingredientes comumente presente em esmaltes, que segundo os médicos, têm altíssimo potencial alergênico. “Em geral, a alergia ocorre principalmente por causa do tolueno e do formaldeído”, explica Fernanda Tassara, dermatologista do Rio de Janeiro. O último, inclusive, tem o uso controlado na fabricação de cosméticos no Brasil. A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) permite apenas 0,2% em produtos de beleza. “A substância pode causar irritação nos olhos, incluindo reação alérgica nas pálpebras – local mais comum de reação a esmaltes – e problemas respiratórios, além de ser cancerígeno”, completa.

Você pode não ser alérgica a esmaltes, mas apresentar uma reação em alguma visita à manicure. Os primeiros sintomas são leve coceira nas pálpebras ou nos dedos, seguida de vermelhidão. Pode ser facilmente confundida com um breve ressecamento da pele. Se os sintomas persistirem, vale fazer uma visita ao dermatologista.

Mas, afinal, é possível substituir o formaldeído nos frascos coloridos? Sim, na indústria cosmética existe uma série de substâncias que não são potencialmente irritantes e minimizam os riscos, sem perder a qualidade do produto. Os motivos pelos quais eles continuam a ser usados na maioria dos esmaltes é que ajudam a manter brilho, consistência, fixação e durabilidade. O DBP, ou Dibutyl Phthalate, é usado como plastificante e aumenta o brilho e flexibilidade, enquanto o tolueno (derivado do benzeno), é o solvente tradicional do esmalte. Por fim, o formaldeído, substância que compõe o formol, está presente em algumas resinas do esmalte para aumentar a aderência, o brilho e durabilidade do cosmético.

Fonte: Boainformacao.com.br

produtos2